Aluna nota 1000 de escola parceira da Imaginie compartilha dicas de redação

Roberta Rinaldi Notícias

Apenas 53 alunos conseguiram a nota máxima na redação do Enem 2017. Foram 4.725.330 participantes, o que faz esse baixo número de notas 1000 um dado extremamente alarmante. O tema não foi simples, muitos candidatos, tendenciosamente, não se preparam de forma adequada para a redação e os critérios da banca de correção estão cada mais rígidos. Entrevistamos a aluna nota 1000, Ivna Vasconcelos, da Organização Educacional Farias Brito, escola parceira da Imaginie, para saber quais foram as estratégias de estudo que a levaram ao total na redação. Confira!

  • Você sempre teve facilidade para escrever ou foi um processo de aperfeiçoamento?

 Foi um longo processo de aperfeiçoamento. No início de 2017, minhas notas de redação não eram muito boas, e percebi que, se quisesse garantir uma boa pontuação nos vestibulares, precisava adotar novos métodos para superar minhas dificuldades de escrita.  

  • Você treinava fazendo quantas redações em média?  

Eu fazia duas redações por semana.  

  • Em qual área da redação você geralmente perdia mais pontos e como conseguiu melhorar?  

Em relação ao Enem, era comum eu perder pontos nas competências 1 e 3. Para superar minhas dificuldades de escrita, foi necessário muito treino. Após o corretor corrigir minha redação, eu analisava todos os erros que havia cometido no texto e, com o tempo, percebi que boa parte deles eram constantes e passei a anotá-los em um bloquinho de papel, para que lembrasse que não poderia repeti-los nas próximas redações. Isso me ajudou bastante, já que passei a me policiar mais, adotando um olhar mais rígido sobre a minha escrita.  

  • Para saber discutir os vários assuntos, como o aluno deve se preparar?  

Até um tempo atrás, eu era o tipo de aluna que se preparava para redações com temas específicos e isso era bastante prejudicial para a minha escrita, uma vez que eu ficava limitada a dissertar sobre assuntos que eu já havia escrito em algum outro momento. Logo, eu precisava eliminar essa ideia de me prender a determinadas situações, desenvolvendo segurança em relação à minha produção textual. Assim, para eu conseguir discutir sobre vários temas, eu pratiquei o máximo que pude e tentei me manter sempre atualizada sobre o que estava ocorrendo no mundo.  

  • Qual foi sua reação ao descobrir o tema da redação do Enem 2017?  

Fiquei um pouco surpresa, pois não estava esperando um tema tão específico quanto aquele, mas, após o choque inicial, tentei manter a calma e a segurança de que iria produzir uma boa redação, pois, como falei anteriormente, devemos estar preparados para escrever sobre qualquer assunto, e é possível fazer isso após muita prática.  

  • Quais temas você treinou que te auxiliaram sobre o assunto? 

Coincidentemente, alguns meses antes do Enem ocorrer, eu havia produzido uma redação sobre o tema “Educação inclusiva no Brasil: realidade e possibilidades para pessoas com deficiência”, que, sem dúvidas, me ajudou bastante durante a prova.  

  • Qual foi sua média final no Enem?  

Desculpe, mas prefiro não comentar kkkkkkk  

  • Você acha importante estudar a redação além do treinamento da escola, com plataformas de ensino online, por exemplo? 

Com certeza, pois, além de oferecer uma maior variedade de temas aos alunos, ensina novas técnicas de produção textual e permite que o estudante possa corrigir suas redações com corretores diferentes, o que lhe ajudará a superar suas dificuldades de escrita de forma mais rápida, já que possuirá acesso a diversos pontos de vista.  

  • Quais são suas dicas para os participantes que querem tirar 1000 na redação?

Como eu já disse anteriormente, a prática é fundamental. Além disso, é necessário estar preparado para qualquer tema, mantendo-se sempre atualizado sobre o que está acontecendo no mundo e policiando-se constantemente, com o intuito de evitar erros que já foram cometidos em redações anteriores.

 

Ser um aluno nota 1000 tem sido cada vez mais difícil, mas basicamente depende do seu esforço e dedicação. Conte conosco para saber as melhores dicas para aperfeiçoar seu texto (confira AQUI), envie sua redação e treine conosco!

Vamos debater sobre?